Showing posts with label Livros. Show all posts
Showing posts with label Livros. Show all posts

Thursday, 16 November 2017

Reflexos

"Nenhum ser humano esquece o dia em que o pai morreu. Dizem que é o momento em que nos tornamos adultos e o futuro nos é confiado como a chave de uma mansão de que somos enfim herdeiros. Fingimos que assumimos a vida como senhores do nosso destino, mas a orfandade nada nos oferece a não ser a solidão dos que se descobrem entregues à sua sorte.
Vivi essa tragédia pessoal numa jornada estranha, uma daquelas tardes em que tudo parece suceder ao mesmo tempo, como se Deus jogasse com a nossa desgraça tirando-nos com uma mão o que nos dá com a outra. A vida tem, aliás, destas coisas. Tropeçamos nos anos como se estivéssemos anestesiados, não passamos de sonânbulos a vaguear por um sonho cujos contornos mal discernimos, perdidos num labirinto tecido pelos mistérios que assombram os caminhos abertos diante de nós. De repente, como por encanto, ou talvez graças a um desconcertante passe de ilusionismo, os acontecimentos aceleram e tudo se precipita."


José Rodrigues dos Santos, O Homem de Constantinopla



Wednesday, 4 October 2017

Pt

"Em menos de duas horas, todos os 281 habitantes de Viscos já sabiam que acabava de chegar ao vilarejo um estrangeiro chamado Carlos, nascido na Argentina, que morava na aprazível rua Colômbia, em Buenos Aires. Esta era a vantagem das cidades muito pequenas: não é preciso fazer nenhum esforço para que logo descubram tudo sobre a sua vida pessoal."

Paulo Coelho, O Demónio e a Senhorita Prym 


Monday, 16 January 2017

Eternamente

"Como tantos outros, procurei sempre encontrar um significado mais grandioso, ou simplesmente mais humano, para aquela linda frase de que morrem jovens os que os deuses amam.

Não sei a resposta: desisti há muito de entender os deuses, de achar um significado para a desordem instaurada pelo divino. Sei apenas, no que aos homens diz respeito, que ficam eternamente jovens os que morrem jovens.

... como nunca mais te vi, ficaste assim para sempre, com aquela idade, com aquela felicidade, eterna..."

Miguel Sousa Tavares, No teu deserto

Saturday, 2 May 2015

Presente

"... os eventos inesperados que a vida nos atira são uma lembrança constante da prodigiosa e multifacetada imaginação que o presente nos oferece, sempre a ultrapassar as nossas melhores e piores expectativas. Enquanto o futuro vive num território idílico de um sonho espiritual qualquer, o presente insiste sistemáticamente em abanar a carruagem com curvas apertadas, descidas abrutas e rodas soltas."

David Fonseca, no Prefácio de 
Nunca Desistas de Viver: Sofia Lisboa

Tuesday, 28 April 2015

Recomeçar

"Às vezes, a vida cai-nos aos pés com o peso e o frio de uma bola de chumbo."
in Recomeçar, Maria Duenas

Monday, 1 July 2013

O que ando a ler...


 
Uma amiga foi a Pt e trouxe-me este livro, para me fazer sentir "normal" outra vez!!
 
Um livro leve e divertido para Quem tem filhos Adolescentes!
 
 

Sunday, 19 May 2013

Glamorous Gatsby



Eu sabia que havia uma boa razão para nunca ter lido o livro.
Era para poder ver este magnífico filme livre de qualquer expectativa ou estereotipo.
E foi perfeito. Quando a grandeza de cada detalhe é pensado e executado ao mais ínfimo pormenor, o resultado só pode ser brilhante, precioso, e único como um raro e cobiçado Diamante.

Friday, 29 March 2013

Back to December

Ainda não foi desta que congelei mas pouco faltou! Quando eu achava que o Inverno tinha ficado para trás, e o calendário marcava a Primavera, nova série de nevascas e temperaturas negativas! Muitos comprimidos e chá depois, (não faltei um único dia), o blog sofre com a minha falta de paciência.... e havia tanto para não deixar em branco. Como o Dia Mundial da Poesia e o facto da M. ver um dos seus poemas publicado em Livro, ou sobre o facto de fazer 4 anos este mês que nos mudamos para esta casa e como o tempo nos veio provar que foi o melhor passo. Ou ainda da memorável ida a Londres, num encontro super animado com a familia (9 no total) e do excelente restaurante italiano que nos acolheu em Piccadilly, recomendado pelo concierge do hotel. A vida por aqui continua... em de Branco!  

Sunday, 17 February 2013

À descoberta de...

Barnard Castle, in Teesdale, County Durham
 
Um rio, um castelo, um museum
 
Lojas cheias de caracter

Edificios carregados de história
 
The Bowes Museum


P.S - Este post vem já com vários meses de atraso mas mesmo assim aqui fica uma pequeníssima amostra de um dos lugares mais genuinos que descobrimos durante as nossas férias pelo Norte da Inglaterra.

Tuesday, 6 November 2012

Animal Farm I

Tenho de agradecer há M. (as coisas que aprendo com a minha filha) ter-me dado a conhecer uma das melhores pérolas literárias que li nos ultimos tempos, e que confesso desconhecia. Fica o registo de algumas das passagens que mais me tocaram. Qualquer semelhança com a realidade da Europa dos nossos dias, só pode ser pura coincidência...

"Comrades, he said, I trust that every animal here appreciates the sacrifice that Comrade Napoleon has made in taking this extra labour upon himself. Do not imagine, comrades, that leadership is a pleasure! On the contrary, it is a deep and heavy responsibility. No one believes more firmly than Comrade Napoleon that all animals are equal. He would only be too happy to let you make your decisions for yourselves. But sometimes you might make the wrong decisions, comrades, and then where should we be? Suppose you had decided to follow Snowball, with his moonshine of Windmills - Snowball, who, as we know, was no better than a criminal? 
He fought bravely at the Battle of the Cowshed, said somebody.
Bravery is not enough, said Squealer. Loyalty and  obedience are more important. And as to the Battle of the Cowshed, I believe the time will come when we shall find that Snowball's part in it was much exaggerated. Discipline, comrades, iron discipline! That is the watchword for today." 
George Orwell, Animal Farm - 1945

Tuesday, 24 July 2012

13

" - O senhor é um perfeito desastre como pessoa, sabia?
  - Vou-me habituando à ideia.
  - Se quiser que eu fique, as regras, aqui, vão ter de mudar.
  - Sou todo ouvidos.
  - Acabou-se o despotismo iluminado. A partir de hoje esta casa é uma democracia.
  - Liberdade, igualdade e fraternidade.
  - Cuidado com isso da fraternidade. Mas acabou-se o quero, posso e mando e as atitudezinhas à Mister Rochester.
  - Como queira, Miss Eyre.
  - E não tenha ilusões, porque não vou casar consigo nem que fique cego.
      Estendi-lhe a mão para selar o nosso pacto. Ela apertou-a, hesitante, e a seguir abraçou-me. Deixei-me envolver pelos seus braços e apoiei o rosto no seu cabelo. O seu contacto era paz e boas-vindas, a luz de vida de uma rapariga de dezasete anos que queria crer fosse semelhante ao abraço que a minha mãe nunca tivera tempo de me dar.
  - Amigos? - murmurei.
  - Até que a morte nos separe."

Carlos Ruiz Zafón, O Jogo do Anjo

Wednesday, 25 April 2012

Persistência


Passaram-se só (!!!) 3 anos e meio desde este meu post mas finalmente vou lê-lo!

Sunday, 30 October 2011

Pt

"Fui até à rua onde vivemos; ...
  »Procurei as pessoas com quem me costumava encontrar para beber uns uísques ao fim da tarde. A maioria já não vive ali, as que ficaram queixam-se da constante sensação de insegurança. Andei pelos lugares onde passeava, e senti-me um estranho, como se já nada daquilo me pertencesse. O pior de tudo é que o sonho de voltar um dia ia desaparecendo à medida que eu me encontrava com a cidade onde nasci.
  »Mesmo assim, foi  necessário. As canções do exílio ainda continuam no meu coração, mas sei que nunca mais voltarei a viver no Líbano. De alguma maneira, os dias passados em Beirute ajudaram-me a perceber melhor o lugar onde estou agora, e a valorizar cada segundo que passo em Londres."

Paulo Coelho, A Bruxa de Portobello

Wednesday, 28 September 2011

setembro*

O mês começou frio e ventoso. Ideal para retomar a leitura interrompida pelo tempo ameno que se fez sentir durante o Verão. Um dos novos livros adquiridos foi  "A Ponte Invisivel" da Julie Orringer que já li e reli, apesar das suas 797 páginas. Uma história marcante. Gostei bastante.

Mas a grande desilusão foi mesmo com o "Hoje Preferia Não Me Ter Encontrado"  da Nobel Herta Muller. E tudo por causa da sua tradução e do acordo ortográfico. Não consigo ler um livro onde de 2 em 2 minutos tenho que corrigir mentalmente o que lá está escrito.



* segundo o acordo ortográfico.

Monday, 13 June 2011

Pausa

"All that is gold does not glitter;
Not all those that wander are lost."
J.R.R.Tolkien

Thursday, 3 March 2011

World Book Night

Para comemorar o Dia Mundial do Livro tivemos algumas actividades curriculares a propósito bem divertidas e com fantásticos personagens saídos da imaginação de Roald Dahl.
Para quem não teve tempo de passar hoje pela sua livraria favorita, realiza-se amanhã o World Book Night.

Monday, 31 January 2011

Venha o próximo!


Janeiro foi um mês Morrinhento (muita morrinha e lennnnto).
Valeu-nos os fins de semana cheios e animados, em familia ou com amigos, novos destinos e desafios gastronómicos (a máquina do pão tem sido um sucesso!) e boas comédias (Date Night, Grown Ups, etc) para dar alguma cor aos dias frios, escuros e deprimentes que se fizeram sentir.
Ainda este mês rendi-me definitivamente à escrita de Carlos Ruiz Zafon com a "A Sombra do Vento". 
Após a desilusão de termos visto um dos seus shows cancelado, podemos dizer que valeu bem a espera e passo a citar: "The Imperial Ice Stars are to skating what Cirque du Soleil is to circus: inspiring, original and great theatre." Sem dúvida!
Fazendo justiça ao velho ditado português "O que não se faz em dia de Santa Luzia, faz-se ao outro dia...", teve recentemente lugar o Jantar de Natal, adiado devido aos nevões de Dezembro. Tal como esperado, nada de especial a salientar.
As manhãs começam já a clarear, e hoje finalmente o sol saiu à rua.

Monday, 6 December 2010

A ler

Ou melhor a tentar. Ainda estou no início, mas tenho tido quase que me obrigar a continuar... Para mim, que adoro ler, um livro tem que fluir naturalmente. O último livro que li foi tão bom, que acho que ainda estou sob o seu feitiço! 

P.S. - Gostei bastante do livro. O tema em termos históricos é muito bom. No entanto não fiquei fã do escritor.