Wednesday, 30 September 2009

Oslo III

O 3º dia amanheceu cheio de sol, permitindo-nos pôr em prática os planos de visitar os museus na península de Bygdoy. Assim e depois de um delicioso pequeno almoço (já mencionei que era capaz de comer waffles para o resto da minha vida?), dirigimo-nos à Oslo Sentralstation, onde alugamos um locker para as nossas mochilas, e já mais leves fomos para o cais apanhar o ferry.

Chegados à outra margem, visitamos:
O Norsk Folkemuseum. Este museu ao ar livre, conta com mais de 100 casas tipicas e tradicionais de toda a Noruega, incluíndo a Gol Stave Church, bem como várias exibições da sua cultura, trajes e brinquedos antigos.


O Vikingskipshuset, onde se encontram em exposição 3 dos melhores barcos originais até hoje recuperados. Ficamos a conhecer um pouco mais a história e os rituais dos Vikings. Alguns destes barcos e objectos foram encontrados enterrados em cemitérios há mais de 1100 anos, pois os Vikings acreditavam que estes seriam necessários aos seus donos na travessia para a outra vida.


O Kon-Tiki Museet, onde se pode ficar a conhecer as mundialmente famosas expedições de Thor Heyerdahl's, um norueguês que que se dedicou ao estudo da colonização da ilhas da Polinésia, e que para provar a sua teoria construíu uma pequena jangada (Kon-Tiki) com a qual velejou 8,000 km.



E o Frammuseet. O Fram é um barco. Mas não um barco qualquer. É provalvelmente o barco de madeira mais forte até hoje construído. Foi utilizado em 3 grandes expedições polares ao Ártico e ao Antártico, entre 1893-1896. Divertimo-nos imenso a explorar o seu interior.



Muito mais haveria para ver, no entanto, o nosso tempo esgotou-se!
Decidimos despedir-nos de Oslo, na esplanada da Opera House, debaixo um sol radioso, admirando a beleza da paisagem, e cativados pela riqueza e diversidade cultural com que esta cidade nos presenteou.

4 comments:

Vagamundos said...

Adoramos Open Air Museums. Ainda não fomos ao de Copenhaga, porque o tempo ultimamente não tem ajudado. Quanto aos Vikings, obrigado pela dica. Vai ser de certeza paragem obrigatoria quando formos a Oslo.
Bjs

Marshmallow said...

Olá Vagamundos.
Pois o tempo (weather) realmente têm peso para o sucesso deste tipo de museus. Tivemos sorte no dia da visita! :)
Que bom que pude ajudar!
Divirtam-se!

Eduarda Magalhães said...

Eu ainda não conheço este lado de Oslo... parece impossivel, mas ainda não fomos ao museu dos "vikings" nem ao "folk"...

Marshmallow said...

Eduarda, aconteceu-me o mesmo com Londres.:) Visitei mais sitios quando era turista do que agora que vivo cá!
Fiquei com imensa pena de não ver a National Gallery e o DOGA, mas não deu mesmo. Já ouviste falar no Underwater pub, onde é possível ouvir ópera ao vivo cantada por estudantes?